FANDOM


Área de Tormenta de Tamu-ra
Tormenta Tamu-ra

Categoria

Área de Tormenta [1]

Localização

Tamu-ra[1]

Lorde

desconhecido

Primeira Aparição

Dragão Brasil 50

Última Aparição

Linha do Tempo de Arton (site)

A Área de Tormenta de Tamu-ra foi a primeira área de Tormenta de Arton, que surgiu em Tamu-ra no ano de 1390 engolindo a ilha e chacinando sua população com suas nuvens vermelhas, relâmpagos destruidores, chuva ácida sangrenta e demônios insetóides, caindo sobre as cidades e destruindo palácios seculares, corroendo tudo o que vinha pela frente[2].

A Chegada da TormentaEditar

Ela apareceu em Tamu-ra sem dar sinal, exceto um calafrio em pessoas mais sensíveis. No início parecia apenas uma tempestade tropical, apenas outra entre muitas que assolavam Tamu-ra. Não demorou até que os cidadãos notassem algo errado, a garra gelada do medo espremendo seus corações; as nuvens de chuva eram negras, sim, mas também carregadas de vermelho. Como se estivessem prestes a derramar sangue em vez de água. E assim fizeram[2].

Choveu sangue em Tamu-ra. Sangue vermelho e ferroso, mas não humano - uma substância maléfica que ardia ao toque, derretia carne e ossos. Quase todas as criaturas da ilha morreram em agonia durante as primeiras horas da tempestade. Logo após vieram os relâmpagos descendo sobre as cidades, explodindo casas e torres, soterrando as vítimas ou privando-as de seu precioso abrigo contra a chuva. Os seis milhões de tamuranianos encontraram uma morte lenta e cruel[2].

Rumores dizem que o surgimento dessa área de Tormenta foi um acidente, resultado do experimento de um mago imprudente chamado Aleph Olhos Vermelhos, que se encontrava na ilha durante o ataque[2].

SobreviventesEditar

Prevendo o pior e sabendo que nada poderia ser feito para evitar a catástrofe, o imperador dragão Tekametsu realizou sua última e maior magia: pouco antes da chegada da Tormenta, ele reuniu todo o seu poder e transportou magicamente uma parte da cidade para o único lugar seguro que conhecia - as vizinhanças de Valkaria. Uma área contendo cerca de dois mil habitantes foi salva da Tormenta e colocada placidamente no subúrbio de Valkaria, com todos os prédios e torres intactos[2].

Além destes, os poucos sobreviventes eram marinheiros, pescadores e outros que estavam em alto-mar no instante do ataque - mas estes infelizes não foram poupados. Além da chuva e raios, eles viram algo tão terrível que nenhuma mente racional pode tolerar. Estão quase todos loucos, olhando para o vazio e gritando à noite. Acima de tudo, eles entram em pânico quando vêem sangue: dizem que um dos sobreviventes gritou e morreu de puro pavor após colher uma rosa e ferir o dedo em seus espinhos[2]. Os raros indivíduos que conseguiram preservar a lucidez jamais voltaram a falar no ocorrido, como se algo muito importante estivesse em jogo - eles só mencionam a Tormenta[1].

Situação AtualEditar

A tempestade continua a rugir na ilha, hoje habitada por horrores rastejantes cuja simples visão pode arrancar a alma de um homem. Poucos aventureiros ousaram visitar o local, e nenhum retornou. As poucas torres e castelos de grande porte que por milagre resistiram à destruição foram substituídas por versões macabras de mesma forma e tamanho, mas com arquitetura demoníaca, feita de ossos e metal enferrujado. Tamu-ra agora é um lugar onde a própria vida é proibida[2].

Porém, o povo do bairro oriental de Nitamu-ra acredita que, um dia, seu poderoso imperador Tekametsu voltará para que juntos derrotem a Tormenta e retomem sua ilha. Na verdade, há rumores de que ele já retornou e vive secretamente em Nitamu-ra, recobrando a saúde[2]. Além disso, os paladinos de Lin-Wu também organizam expedições à área de Tormenta, em busca de artefatos tamuranianos - mas poucas são bem-sucedidas[3].

ApariçõesEditar

Notas e ReferênciasEditar

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória