FANDOM


Lena
Lena2.jpg
Lena

Outros Nomes

Luna (em Lamnor) [1]

Status

Viva [2]

Ocupação

Divindade Maior [2]

Portfólios

Vida, Fertilidade, Cura [1]

Sumo-Sacerdote

Tella Andoren[1]

Primeira Aparição

Dragão Brasil 53

Última Aparição

Linha do Tempo de Arton (site)

Classe e Nível

desconhecidos

Tendência

desconhecida

Lena é a bondosa Deusa da Vida, da Fertilidade e da Cura, uma das vinte divindades maiores do Panteão a estarem presentes na criação do mundo[2]. Há cerca de 1 bilhão de anos[3], preencheu com uma lágrima os oceanos, gerando a vida que seria moldada pelo Grande Oceano na forma das criaturas marinhas, e que mais tarde seria conduzida às terras secas por Allihanna[4].

Lena é louvada principalmente em vilas e regiões rurais, é a ela que as mulheres rogam pela saúde dos filhos que vão nascer. Orações a Lena também são realizadas em épocas de plantio, e uma grande festa é feita em sua honra quando a colheita é boa. A maioria dos fiéis de Lena são mulheres, embora isso não seja obrigatório. Em cidades maiores, o aspecto "curandeiro" de Lena é mais exaltado. É comum ouvir preces em seu templo quando os exércitos voltam de suas guerras, suplicando para que os feridos sejam curados[1].

Lena vê Arton como um mundo ferido. Os massacres provocados pela Aliança Negra (que praticamente erradicaram seu culto no continente de Lamnor) e a ameaça da Tormenta a preocupam muito. Seu principal objetivo é fazer com que Arton volte a ser um mundo cheio de vida e esperança. Seu símbolo é uma lua prateada[1].

Relações com o PanteãoEditar

Espantosamente, Lena é a única deusa que não tem nenhum inimigo declarado dentro do Panteão - pois mesmo os deuses mais violentos e malignos reconhecem a necessidade de curar os feridos após as batalhas. Até Ragnar entende que é preciso existir vida para depois haver morte (comenta-se que, após dominar Arton, Ragnar pretende tomar Lena como sua esposa)[1].

Por ser uma deusa mãe, recebe grande respeito e cortesia do Grande Oceano, que ela aprecia e retribui; é uma das maiores aliadas de Marah, tem boas relações com Thyatis e, por ser considerada fraca, é amparada pela Divina Serpente. A única divindade que poderia ser considerada sua opositora é Tenebra, deusa da noite e dos mortos-vivos, mas até agora não ocorreu nenhum conflito direto entre as duas[1].

Ver TambémEditar

ApariçõesEditar

Notas e ReferênciasEditar

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória