FANDOM


Loriane
Loriane
Loriane

Status

Viva[1]

Ocupação

Gladiadora da Arena Imperial[1]

Origem

Lenórienn[2]

Gênero

Feminino[1]

Espécie

Meio-Elfa[3]

Primeira Aparição

Dragão Brasil 49 (pré-Tormenta); Tormenta - 1ª Edição

Última Aparição

Linha do Tempo de Arton (site)

Classe e Nível

Guerreira 6[2]

Tendência

Neutra e Boa[2]

Loriane é uma famosa meio-elfa, a maior estrela das lutas de gladiadores da Arena Imperial. Maior atração da Arena e primeira gladiadora meio-elfa da história, antes de sua aparição não se acreditava que mulheres pudessem realizar boas lutas - mas agora isso mudou pra sempre. Muito ágil e bonita, ela tem beleza, carisma, habilidade e uma história comovente: todos os ingredientes para cativar e emocionar o público, fazendo milares torcer e temer em suas lutas[2].

HistóriaEditar

InfânciaEditar

Loriane teve uma vida marcada pela carência. Ela nasceu na cidade élfica de Lenórienn em 1345, pouco antes de sua destruição pela Aliança Negra dos hobgoblins. Violentada por assaltantes humanos, sua mãe não conseguiu vencer a mágoa e aceitar a criança como sua própria filha: pouco depois do nascimento, abandonou o bebê nas proximidades de Khalifor, uma cidade fortificada de humanos[2].

Os soldados de um pequeno posto avançado de Khalifor resolveram criar a meio-elfa - mais como mascote que como criança. Desde pequena era forçada a trabalhar, limpando a torre, preparando comida, cuidando dos animais e tratando de suas armas e armaduras. Era muito ligada aos cavalos, seus únicos amigos. Um dia, cansada disso tudo, roubou um dos cavalos e fugiu para o norte[2].

Chegada a ValkariaEditar

Loriane abandonou Lamnor, atravessou o Istmo de Hangpharstyth e rumou para Arton, até chegar à cidade de Valkaria. Sua aparência élfica e o ressentimento geral dos humanos contra os elfos tornaram sua vida bem difícil, mas nada comparado à escravidão na torre dos soldados. Por saber tratar de armas, armaduras e animais, acabou conseguindo emprego e moradia como ajudante do anão ferreiro-mestre da Arena Imperial. E ali ela descobriu a grande paixão de sua vida: ser uma gladiadora[2].

Sua ascensão foi difícil. Apesar dos treinos diários com armas e sua beleza e carisma naturais, os organizadores dos torneios relutavam em ter uma gladiadora mulher - e ainda por cima meio-elfa! Um dia, em profunda depressão, foi visitada por uma estranha e bela mulher em manto negro. Não era ninguém menos que a maga Raven Blackmoon, que lhe ofereceu um pacto: colocaria Loriane na Arena, em troca de um favor[2].

Loriane aceitou mais rápido do que seria prudente. Durante o show seguinte, ainda no ano de 1387, ela teve chance de se apresentar, e sua atuação foi espantosamente bem recebida pelo público. A partir de então ganhou mais e mais fãs, suas lutas tinham cada vez mais espectadores, sua fama atravessou o continente. Loriane é agora uma estrela de primeira grandeza, talvez a pessoa mais querida e desejada em toda Arton[2].

A Tragédia de George JikhanardEditar

Uma terrível tragédia marcou o início da carreira de Loriane na Arena. Em uma de suas lutas, ela calculou mal um golpe que terminou trazendo em seu tridente as vísceras de George Jikhanard, um gladiador profissional de menor fama da Arena. A morte de George foi acidental, não fazia parte do espetáculo, e dizem que a meio-elfa nunca se perdoou por isso[4].

Loriane chegou a quase desistir de ser gladiadora, mas foi convencida a continuar pelos organizadores dos jogos. Porém, Celine Glanford - a então noiva de George Jikhanard e atual sumo-sacerdotisa de Marah - ainda alimenta desejos de vingança contra Loriane. Ela estaria tentando destruir a carreira da meio-elfa acabando com os jogos violentos da Arena Imperial[4].

Estrela da Arena ImperialEditar

Privada de carinho e contato humano durante toda a vida, hoje Loriane precisa de flores e aplausos tanto quanto um viciado precisa de drogas. Esse é o único tipo de amor que ela conhece, e o único amor de que realmente precisa. Sua felicidade seria completa, não fosse a lembrança da promessa que fez a Raven: Loriane ainda não sabe que tipo de favor será exigido dela, e teme que seja um preço alto demais. Mesmo assim, não se arrepende de sua escolha[2].

Recentemente, Loriane recebeu de Raven um presente intrigante: um encantador unicórnio, que imediatamente cativou a gladiadora. Raven não teve receios em revelar que aquilo era um tipo de garantia. Para conservar a amizade do animal, Loriane deveria permanecer virgem - coisa aparentemente necessária aos planos da maga, sejam quais forem. Incapaz de rejeitar a amizade do unicórnio, hoje Loriane se apresenta com ele na arena, atraindo ainda mais público com a nova atração[2].

Rumores & BoatosEditar

  • Atualmente, Loriane é tão famosa (e tão lucrativa) que seus empresários tomam precauções extremas para evitar que seja vencida: além de escolher seus oponentes com cuidado, colocam em pontos secretos da arena atiradores escondidos com dardos envenenados e magias paralisantes. Loriane nada sabe sobre tais trapaças[2].

ApariçõesEditar

Notas e ReferênciasEditar

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória